menu mobile

Home / Notícias

Notícias

Compartilhe:

Gabinete do Prefeito

Que ressocializa e prepara o reeducando para o mercado de trabalho

19/04/2018

Diego Eifler
Que ressocializa e prepara o reeducando para o mercado de trabalho

O prefeito assinou ontem, quarta-feira, 18, na Prefeitura, o convênio com o Projeto 2ª Chance, em parceria com o Poder Judiciário, Ministério Público e Câmara Municipal, que tem por objetivo a ressocialização dos reeducando através da oportunidade de trabalhar, ter renda, apoio psicológico, enfim todo o suporte para começar uma nova vida. ”Sabemos do preconceito das pessoas com os reeducandos, mas o Poder Público não pode ser omisso e, eu pessoalmente entendo que projetos com esse, de cunho social e humano, só ajudam a quem está emocionalmente abalado, recluso, buscando uma oportunidade no mercado de trabalho e é recebido com preconceito se não tiver esse suporte que estamos oferecendo”. Léo reiterou que a sua gestão, com apoio incondicional de Sérgio Fava, seu vice, investe no ser humano, nas pessoas e tem um compromisso com o social.

Inicialmente são cinqüenta reeducandos selecionados pela direção da cadeia e órgãos do Judiciário – a Prefeitura não participa do processo seletivo – dez do regime fechado que trabalharão na fábrica de artefatos de cimento e, quarenta como prestadores de serviço na área de jardinagem. Para o prefeito, “essa é uma semente que estamos plantando inicialmente no Poder Público e, posteriormente na iniciativa privada – acredito que vários empresários mudarão o conceito sobre os reeducandos e, as portas serão abertas, com certeza, esse é apenas o primeiro passo”.

O Juiz da Comarca, Alexandre Pampado, tem um olhar otimista para o projeto e vê três pontos positivos nessa iniciativa – empregar os egressos das prisões que encontram dificuldades de emprego na iniciativa privada e, com esse suporte fica mais fácil; o bom comportamento do reeducando porque ele está consciente de que esse é um requisito essencial para ser selecionado e, a economia para o município. Pela sua ótica, “esse projeto é um passo importante para vencer os preconceitos da sociedade e, para que, de fato, os reeducandos tenham uma segunda chance, vida nova, sem olhar o passado”.

O Promotor de Justiça, Adriano Roberto Alves, ressaltou dois pontos importantes – “tão importante quanto embelezar a cidade é investir nas

pessoas e, os políticos precisam ter essa visão porque a sociedade ganha e há também o investimento pessoal no ser humano que está enfrentando dificuldades”. O promotor enfatizou a importância do Dr. Alexandre para o sucesso do projeto, “sem ele, sem o seu empenho o projeto não andaria”.

O diretor da cadeira, Valdeir Zeliz dos Santos, relembrou que várias famílias pediram a volta do projeto tanto pelo salário que é importante no orçamento doméstico, quanto pela expectativa de mudança de vida, da busca por uma oportunidade no mercado de trabalho e, “nada melhor que oferecer esperança a quem precisa desse apoio”. Valdeir reafirmou que esse projeto promoveu uma convivência harmoniosa e uma tranqüilidade entre os reeducandos porque todos estão na expectativa de serem contemplados para esse projeto.

Alcance social

Luizinho Magalhães, que representou a Assembléia Legislativa na solenidade, enalteceu o trabalho do prefeito e a sua força de vontade para tirar do papel projetos interessantes e fundamentais para a sociedade, “e o 2ª Chance que oferece oportunidade para aqueles que no passado cometerem algum equívoco tem um alcance social imensurável”. Parabenizo o Poder Judiciário, Ministério Público, Câmara Municipal, Igreja envolvidas pela brilhante iniciativa e, especialmente pela dedicação de forma voluntária.

O vereador Carlinhos que representou a Câmara e, no seu pronunciamento fez uma leitura pertinente da situação – “errar é humano e, qualquer um de nós está sujeito a cometer erros, equívocos e, nem por isso podemos ser condenados o resto da vida”. Segundo ele, se há uma dívida com a justiça e o cidadão conseguiu quitar, “porque a sociedade não lhes dar outra oportunidade? A Câmara é parceira desse e de outros projetos de cunho social e, juntos podemos fazer a diferença, eu acredito nisso.

O presidente do Projeto 2ª Chance, Marconi César Magalhães, acredita no sucesso desse trabalho porque os contemplados sabem que “para seguir o caminho errado é fácil, mas encontrar alguém que estenda a mão quando se busca ajuda, é difícil e, esse projeto tem esse alcance e despertou essa consciência nos reeducandos”. O secretário de Infraestrtura, Eduardo Wolf, tem uma visão plural – além do aspecto social que é explicito e inquestionável, há também o econômico – “nos quatro primeiros meses só em corte de grama se gasta 45 mil reais com a mão de obra e, com o projeto serão gastos 30 mil somando mão de obra

mais a aquisição dos equipamentos, portanto é uma economia que parece pequena, mas no final de um ano é bastante significativa”. Cada reeducando receberá um salário mínimo.

Participaram da solenidade os vereadores Luiz Costa, Edna Manich, Manoel Mazzutti, a secretária de Promoção Social, Ana Carla Ruaro, representante da pastoral carcerária, o assessor do juiz Alexandre, João Ricardo Borges Leal, o vice, Sérgio Fava, funcionários públicos, representantes de segmentos organizados, empresários, enfim foi um momento especial de muita esperança nesse projeto.

Comentários




Comentário



código

código captcha

Nome *


E-mail * (o e-mail não será divulgado)

Veja também:

Mulheres ocupam cargos estratégicos na Prefeitura

Projeto Social Mãe Cidinha deve ampliar espaço com doação de terreno pela Prefeitura

2021 será um divisor de águas na administração pública

Prefeitura decreta recesso entre os dias 21 de dezembro e 3 de janeiro

Nota de Pesar

Veja o que muda em Primavera do Leste a partir desta quarta-feira (15)

“Eu Amo Meu Bairro” chega para a região do Jardim Luciana e Poncho Verde

1ª Edição do “Eu Amo Meu Bairro” de 2020 será no Tuiuiú

Primavera do Leste inicia o ano com oito obras públicas em andamento

Prefeitura lança edição do Natal Encantado

Veja mais

Prefeitura Municipal de Primavera do Leste / MT
Todos os Direitos Reservados

Rua Maringá, 444 - Centro
Primavera do Leste - MT - CEP 78850-000
(66) 3498-3333